A Ubisoft anunciou nesta terça-feira (8) detalhes do Six Major de novembro, que contará com novos torneios regionais. Assim como na edição de agosto, o campeonato foi reformulado devido à pandemia causada pelo novo coronavírus e será disputado de forma online entre as melhores equipes de cada região do circuito competitivo. Além de distribuir a premiação total de 500 mil dólares entre Europa, América do Norte, América Latina e Ásia-Pacífico, a competição será a última etapa da corrida rumo ao Six Invitational 2021.

Vale ressaltar que a decisão de remodelar o formato do Major surgiu com o objetivo de garantir a saúde e o bem-estar de equipes, jogadores, torcedores e parceiros, após os avanços da COVID-19. Além da premiação fixa, dividida entre as regiões (US$125 mil para cada), a Ubisoft preparou itens temáticos ingame para o torneio e 30% da receita líquida desses pacotes contribuirão para o valor final do prêmio.

Sendo assim, a região latino-americana foi organizada em sub-regiões. No Brasil, o Six Major Novembro 2020 vai reunir as quatro melhores equipes do segundo turno do Brasileirão Rainbow Six Siege. Além da classificação para o SI 2021, elas vão competir pelo valor total de 100 mil dólares (mais de meio milhão de reais na cotação atual) entre os dias 30 de outubro e 1 de novembro.

O primeiro colocado fatura US$50 mil (cerca de R$270 mil), enquanto o segundo fica com US$25 mil (cerca de R$135 mil). O terceiro leva para casa US$15 mil (cerca de R$80 mil) e o quarto, US$10 mil (cerca de R$55 mil). O campeonato será disputado no sistema de dupla eliminação, com partidas no formato MD3 ao longo da competição e MD5 na grande decisão, com um mapa de vantagem para o campeão da chave dos vencedores. Nos dias 30 e 31 de outubro, as quatro equipes definem os finalistas, que se enfrentam no dia 1 de novembro.

Os fãs poderão acompanhar todas as transmissões dos torneios regionais do circuito competitivo nos canais oficiais do Rainbow Six Esports Brasil na Twitch e no YouTube. Para mais informações dos campeonatos profissionais de R6, visite o site www.r6esportsbr.com.

Ainda na região LATAM, as duas melhores equipes do Campeonato Mexicano vão competir em uma partida MD5. No Campeonato Sul-Americano – que reúne organizações de Chile, Argentina e Peru – não haverá um torneio adicional, e o primeiro colocado do turno do Campeonato Sul-Americano terá um bônus de US$8 mil no prêmio, além dos pontos para o Six Invitational 2021. Nas outras regiões do cenário, os campeonatos locais acontecerão entre os dias 6 e 8 de novembro (Europa), 13 e 15 de novembro (América do Norte) e de 25 a 29 de novembro (Ásia-Pacífico).

Em agosto, o Six Major reservou confrontos de alto nível ao redor do mundo. Entre os latino-americanos, a NiP foi a grande vencedora do regional brasileiro ao derrotar a FaZe Clan por 3 a 0 na decisão. No México, a Estral Esports ficou com o título após bater a Timbers Esports por 3 a 1.

Na América do Norte, a DarkZero foi campeã depois de vencer a rival Team SoloMid por 3 a 0. No velho continente, a tradicional G2 Esports foi derrotada pelos franceses da BDS Esport por 3 a 2. A região APAC, assim como a LATAM, foi dividida em sub-divisões e teve como vencedores: Cloud9 (Divisão Norte), Union Gaming (Ásia do Sul) e Wildcard Gaming (Oceania).

Corrida para o Six Invitational 2021

Neste ano, a Ubisoft iniciou seu programa de regionalização no cenário competitivo de Rainbow Six Siege. Agora, cada uma das quatro regiões decide sobre as particularidades de seus campeonatos e as equipes envolvidas nestes torneios somam pontos em um sistema de classificação mundial em busca de uma vaga para o Six Invitational, torneio de maior expressão do ano competitivo.

Atualmente, a Classificação Global do SI 2021 é liderada por Ninjas in Pyjamas (América Latina), BDS Esport (Europa), DarkZero Gaming (América do Norte) e Cloud9 (Ásia-Pacífico), com 510 pontos cada.

A tabela é completada por FaZe Clan (América Latina), G2 Esports (Europa), Team SoloMid (América do Norte) e Giants Gaming (Ásia-Pacífico), com 390 pontos cada. Na sequência, com 330, vêm Team Liquid (América Latina), Virtus.pro (Europa), Spacestation Gaming (América do Norte) e Wildcard Gaming (Ásia-Pacífico). Team oNe (América Latina), Rogue (Europa), Oxygen Esports (América Latina) e Union Gaming (Ásia-Pacífico), com 275, fecham a zona de classificação.

Assim como no primeiro estágio, quando foi disputado o Six Major de agosto, as competições de novembro sofreram ajustes na forma como os pontos para a classificação global serão distribuídos. A pontuação da região latino-americana no segundo estágio será dividida desta forma:

1º) 1º colocado do Brasileirão – 510 pontos

2º) 2º colocado do Brasileirão – 390 pontos

3º) 3º colocado do Brasileirão – 330 pontos

4º) 4º colocado do Brasileirão – 275 pontos

5º) 1º colocado do Campeonato Mexicano – 225 pontos

6º) 5º colocado do Brasileirão – 180 pontos

7º) 2º colocado do Campeonato Mexicano – 140 pontos

8º) 1º colocado do Campeonato Sul-Americano – 115 pontos